História ou estória?


EStamos no final do ano e o meu rítmo acelera consideravelmente… Com isso, a Vitrola vai para uma rotação um pouco mais lenta, mas continuará tocando, com no mínimo uma música por semana na caixola de vocês! 

Essa semana, uma gringa pra variar um pouquinho.

Last Kiss (Pearl Jam)
Oh where, oh where, can my baby be?
The Lord took her away from me.
She’s gone to heaven so I’ve got to be good,
So I can see my baby when I leave this world.
 
We were out on a date in my daddy’s car,
We hadn’t driven very far.
There in the road straight ahead,
A car was stalled, the engine was dead.
I couldn’t stop, so I swerved to the right,
I’ll never forget the sound that night.
The screaming tires, the busting glass,
The painful scream that I heard last.
 
Oh where, oh where, can my baby be?
The Lord took her away from me.
She’s gone to heaven so I’ve got to be good,
So I can see my baby when I leave this world.
 
When I woke up, the rain was pouring down,
There were people standing all around.
Something warm flowing through my eyes,
But somehow I found my baby that night.
I lifted her head, she looked at me and said;
“Hold me darling just a little while.”
I held her close I kissed her – our last kiss,
I found the love that I knew I had missed.
Well now she’s gone even though I hold her tight,
I lost my love, my life that night.
 
Oh where, oh where, can my baby be?
The Lord took her away from me.
She’s gone to heaven so I’ve got to be good,
So I can see my baby when I leave this world.
 
Último Beijo
Oh, onde, onde estará o meu amor?
O senhor tirou-a de mim
Ela foi pro céu então, eu tenho que ser bonzinho, assim, verei meu amor, quando deixar este mundo
 
Nós saímos para namorar no carro do meu pai, não fomos muito longe
Lá na estrada, bem no meio um carro estava parado, com o motor fundido
Eu não pude parar, então desviei para a direita.
Eu nunca esqueçerei o som daquela noite
Pneus cantando, os vidros estourando
O grito de dor que eu ouvi, por último
 
Oh, onde? onde estará o meu amor?
O senhor tirou-a de mim. Ela foi pro céu então, eu tenho que ser bonzinho assim, verei meu amor, quando deixar este mundo
 
Quando acordei, a chuva caía. Havia muita gente em volta
Algo quente escorreu pelos meus olhos
Mas, de alguma forma, eu encontrei meu amor naquela noite.
Eu levantei sua cabeça, ela me olhou e disse: “Me abrace, querido, só por um pouco”. Eu a abracei forte e a beijei – nosso último beijo
Eu encontrei o amor que eu sabia que havia perdido
Bem, agora ela se foi, mesmo eu tendo abraçado-a com força, eu perdi meu amor, minha vida, naquela noite
 
Oh, onde? onde estará o meu amor?
O senhor tirou-a de mim. Ela foi pro céu então, eu tenho que ser bonzinho assim, verei meu amor, quando deixar este mundo
 

 Me lembro de ter ouvido essa música há bons 8 anos voltando do trabalho e sem prestar atenção na letra, pensei: “Nossa… essa música tem uma melodia tão boa! Arrisco dizer que a letra é linda, romântica e profunda”.

Quando cheguei em casa fiquei procurando na internet e fui pesquisar sobre a letra… já tinha ouvido mais de uma vez e sempre ficava com essa sensação boa da música, uma vontade de cantarolá-la bem alto, como se fosse uma declaração de amor. Bom, não dá pra dizer que ela não seja profunda… e, de certo modo, até romântica… mas uma coisa é certa: é completamente diferente do que eu imaginava! Hahaha

Resolvi falar sobre ela hoje porque ela é uma daquelas que eu tenho a nítida impressão de que a pessoa que a escreveu vivenciou o que colocou no papel. Se não for isso, vale dizer que ela cumpre o papel de trazer um tom de realidade. 

Essa letra me remete às paixões adolescentes e as fatalidades que, não por uma regra, nem por conseqüência, mas por pura coincidência acontecem todos os dias, tirando do nosso convívio pessoas que tanto tinham para viver. Um acidente de carro, que mata um, dois ou mais jovens que voltam de uma balada ou um cinema, ou simplesmente da casa do namorado (a)… aquela aventura que o casal diz para os pais que vai para um lugar e acaba indo pra outro e tanta desgraça acontece.  O caso mais clássico é o da menina Liana (estão lembrados?).

Essa música mostra com romantismo o último momento dessa garota do carro, seus sentimentos, um certo medo… Também a angustia e a esperança de quem ficou, para um possível reencontro.

Gosto e continuo gostando dela, da melodia e agora até da letra. Mas é impossível ouvi-la sem lamentar o ocorrido com os protagonistas dessa história toda, que nem mesmo sei se aconteceu de verdade… rsrs

P.S.: Last Kiss foi composta nos anos 60 pelo cantor Wayne Cochran. Pearl Jam regravou quatro décadas depois, em 1999, e a música se tornou o maior sucesso da banda.

Anúncios

5 Respostas

  1. Essa música é mágica, única, inesquecível e imperdível. Essa canção esta entre as minhas 5 prediletas. Beijos

  2. Nossa….realmente, essa música é show!!!

    Mas é engraçado que mesmo a letra sendo tão triste, quando eu ouço essa música, me traz uma sensação boa…uma coisinha bacana dentro do peito…bom…fala de amor né? Um amor perdido por uma fatalidade, mas que existe de forma intensa…acho que é bem isso que a música transmite!!!

    Amei o seu post amiga…como sempre, “perfect”!!! hehehe

    Bjkas grande e linda semana!!

  3. Cris, essa música tem a melodia linda demais e é uma delícia de ouvir. Mas a letra acaba me deixando triste pois tenho a mesma impressão que você, de que o fato aconteceu de verdade. Sempre penso “poxa, os dois estavam só passeando, não tinham bebido, nem fizeram nada de errado” rsrsrs, é ruim demais pensar em toda essa injustiça. Beijo!

  4. Oi, Cris!
    Tive a mesma reação que você ouvindo esta e acho que todas as músicas lentinhas do Pearl Jam. Lembro que qndo conheci meu namorado estava tocando “Black”, uma música linda, com a melodia romantica e que eu amava, mas nunca tinha prestado atenção na letra. Quando fui pegar a tradução, que depressão! haha…
    Adorei o blog! Saudades de vc!
    Bjs

  5. Sempre me marcou essa frase “So I can see my baby when I leave this world.”…. quando, um dia, entendi o que realmente queria dizer, me deu maior deprê…. sabe do que lembrei? Das músicas da Legião Urbana..vê só se não lembra as letras do Renato Russo???

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: