Um peixe!


Atendendo ao pedido da Thais, Diogo e Macá, peguei essa música para dar uma olhadinha e…. Sexo.  Não consigo imaginar que essa música tenha algum outro significado que não a descrição metafórica de uma relação sexual!!

Borbulhas de Amor

Cantor: Fagner / Composição: Juan Luiz Guerra / Versão: Ferreira Gullar

Tenho um coração dividido entre a esperança e a razão
Tenho um coração bem melhor que não tivera…

Esse coração não consegue se conter ao ouvir tua voz
Pobre coração, sempre escravo da ternura…

Quem dera ser um peixe, para em teu límpido aquário mergulhar
Fazer borbulhas de amor prá te encantar
Passar a noite em claro dentro de ti…

Um peixe para enfeitar de corais tua cintura
Fazer silhuetas de amor à luz da lua
Saciar esta loucura dentro de ti…

Canta coração, que esta alma necessita de ilusão
Sonha coração, não te enchas de amargura…

Uma noite
Para unir-nos até o fim
Cara-cara, beijo a beijo
E viver para sempre dentro de ti…

Tudo bem, não se trata de um sexo desconectado do amor, já que ele introduz a música falando do seu dilema da esperança e razão, e do calafrio ao ouvir a voz da amada, mas sem dúvida alguma, a conexão da pele é o que fala mais alto. Essa coisa de passar a noite dentro de ti… mergulhar no seu aquário…. um peixe…. muuuuuuito complexo… Mas quando ele diz:  ‘Saciar esta loucura dentro de ti’, concluo: É sexo! rsrs

Ok, talvez esteja sendo superficial e o compositor tenha expressado de maneira profunda o seu sentimento, mas acho que assim como o tal “segredos de liquidificador” do Cazuza, as ‘borbulhas de amor’ estão inalcançáveis para meu entendimento…

P.S.: Vale dizer que o compositor dessa música, Juan Luis Guerra é um músico dominicado que viu as portas do mercado brasileiro se abrirem quando Fagner gravou sua composição, em 1991. Nesse mesmo ano, ele recebeu três prêmios da American Latin Music por melhor Álbum do Ano e Melhor Vídeo/Salsa. Com isso, Burbujas de Amor, foi uma das músicas que se tornou campeã de execução em todas as rádios da América Latina.

P.S.2: Fagner gravou essa música em 1991 no disco “Pedras que cantam” que recebeu disco de platina tripla na época por vender 750 mil exemplares. Borbulhas de Amor ficou oito meses nos primeiros lugares nas rádios do Brasil e Fagner ficou dois anos sem lançar um novo disco, desfrutando apenas do seu sucesso.

Até o próximo post (que entra na sexta-feira), que tal falarmos um pouco sobre essa letra?? Alguém tem alguma visão diferente pra ela?

Até mais!!

Anúncios

4 Respostas

  1. Oiiiiii minha querida….

    Sabe que vejo nessa letra, um amor desesperado….algo que ele tenta conter, mas é mais forte que ele…
    Vejo um sentimento que ele talvez até deseje não sentir, mãs que é inevitável: “Tenho um coração dividido entre a esperança e a razão
    Tenho um coração bem melhor que não tivera…”
    Mas é claro que nessa letra também entra o mais institintivo dos atos…o sexo…inevitável pensar o desejo desse homem para “passar a noite em claro dentro da mulher amada”!!! kakakakaka 😛
    Não há como negar que essa letra é bem “caliente”…adooooorooooooo!!! 🙂
    Bjkas a todos e até a próxima letra hein?? PS.: Tô esperando o coment´pario da minha música hein??!!!!

  2. Elô!!

    Prometo que abro a semana que vem com a sua! Tenho mais uma na lista e a próxima será toooooooda sua, tá?? Afinal, uma seguidora assim como você, é preciso fidelizar, né? rssrsrs
    Bjo!!

  3. Borbujas de amor!!! Hehehe
    Legal que vc faz toda uma pesquisa discográfica holística sobre a música! Muito bem!!

    Vou pensar na próxima pra vc “desmembrar”… Ou então vou pensar numa italiana… Hehehehe

    Bjs!!!

  4. A versão brasileira da musica foi feita por Ferreira Gullar. Dizem que ele, quando perguntado sobre o assunto por uma jornalista desatenta, explicou com todas as letras…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: